terça-feira, março 23, 2010

PROFESSOR CONCERTINO


English issue: That's the PROFESSOR CONCERTINO puppet's (under colouring process) . They're made with a kind of native wood called "caixeta". Caingang and Guarany Indians used to carving animals with a all them style. Now my puppets are moving the mouth to talking, hands to grasping things and eyes to blinking. Some people here think that work isn't necessary, that's too much; the theater happens without those mechanical tricks. I mean it's all right. But if I can do a little kick to increase the expression, going to be welcome, isn't it?
OK, It's to children , afterall!

Este é o nome real da peça. Mas a FCC coloca um obstáculo onde no ano passado se resolvia com uma declaração simples por e-mail. O que fazer? Então vai PROFESSOR CONCERTINO MELODIA. Talvez se sintam importantes com esse trabalho. O que posso dizer, serenamente, é que o ministério da cultura, secretaria da cultura, fundações, teatros e todo o seu quadro funcional são servidores públicos; isto é tem a função de servir, ou seria o contrário? Eu que devo servir ao servidor? Pela Constituicão Federal o país deve atender às necessidades de fomento e difusão artística, ou seja, ATENDER quem produz e quem consome. O que acontece hoje é que o servidor público responde que ele atende à "comunidade" e não ao artista. Daí eu pergunto: se ele não deve atender a mim, que sou artista, quem fará o produto cultural, ele? Nas horas vagas? Não pode, porque por Lei o servidor não se beneficia dos investimentos públicos destinados ao artista e ao público consumidor.
Enfim, é para lembrar que se " o Estado não deve sustentar o artista" então por que o Estado sustenta o servidor do artista????
O que tenho a dizer é que o dinheiro obtido através dos editais, é empregado na pesquisa para desenvolver os bonecos como estes, esculpidos em madeira, com articulações moveis, que costumam ser empregados somente em marionetes de fios. Alguém pode achar "...mas que catzu tem isso de importante?"; alguém no planeta, deve achar, pelo amor de Deus!
Quero lembrar ainda que esse espetáculo PROFESSOR CONCERTINO MELODIA recebeu o patrocínio da Lei de Incentivo à Cultura da Prefeitura Municipal de Curitiba; dinheiro pago com o seu IPTU e espero que considerem bem empregado, como podem, inicialmente constatar pela foto.
Muito obrigado, contribuinte curitibano!

Nenhum comentário: