terça-feira, abril 28, 2009

ADESPEITODE...



Parece um boneco?
Dois anos de estudo e pesquisa para fazer esse penteado.
É um estilo bushi-no-kata, período 1600 a 1700. As informações chegando devagar. O coque dos samurais.
SHISHI, O comilão. a primeira peça de nossa cia., com cabeças esculpidas totalmente em madeira. Com formão e talhadeira. Foi uma delícia fazê-los, na verdade uma realização. Porque como ator-bonequeiro, titeriteiro, marionetista e todos esses nomes incompletos, incapazes de definir a profissão do confeccionador e apresentador de teatro bonecos, o indivíduo é um enciclopedista iluminista. A característica artesanal forte, a insatisfação em adotar novas tecnologias e o total controle de todo o processo criativo e posterior.
Embora não odeie um bom equipamento de som, luz e informática, considero um desses. Pois projeto, fabrico, sonorizo, vendo e apresento o meu teatro de bonecos.

***************

A Camerata Antiqua de Curitiba iniciou a temporada 2009 do Alimentando com Música.
Desejo boa sorte e uma retificação.
Nos releases que divulgam o projeto chamam o boneco que nossa empresa fabricou para o Alimentando Com Música Villa Lobos, de "luva chinesa". Para uma camerata tão ciosa e detalhista em terminações, causa espécie essa informação. Em nenhum momento, a Miyashiro Teatro de Bonecos informou que o boneco de luva villa Lobos é uma luva chinesa. Para quem tenha visto uma luva chinesa, certamente perceberá que são diametralmente opostas em dimensões e aspectos culturais. Seria o mesmo que declarar que o violino é igual ao violoncelo, ou que a MPB é composta de sambas.
A luva Villa Lobos é uma luva única, desenvolvida pela Miyashiro Teatro de Bonecos para a Camerata Antiqua de Curitiba, como resultado de longa pesquisa.

***************

Por falar em pesquisa, a Miyashiro Teatro de Bonecos inicia uma fase de busca pelo eldorado dos fantoches.
Vamos desenvolver articulações faciais nas cabeças dos bonecos, feitos em madeira.
Nada de moldes, poliuretano e espumas insufladas!
Nada de facilidades, queremos o domínio sobre a matéria, queremos animar o inanimado, queremos a alta magia, criar o segundo Adão...Ahahahahahaha!

Nenhum comentário: