segunda-feira, junho 23, 2008

LONELY WINTERS, OOOOOOHHH!

Segunda-feira!
Aqui em Curititica, o frio no inverno da capital mais fria da Federação.
Em contraste, o domingo ensolarado, quente até, para os padrões curitibocas. Piazada de ombrinhos de fora, hehehehe! Viva o sol! Saudades do calorão...

Enquanto aguardo a trilha total do VISITANTES INCOMUNS, forjada nos alto-fornos de um Mac pelo Rodrigo Grigoletti, vou terminando o cenário e alguns adereços da peça.
Coisa difícil reproduzir espaços domésticos num palco para fantoches. Fazer um “apartamento”. Só isso. O problema é que os espaços para fantoches são bidimensionais. Não há profundidade. Outra dificuldade é a falta de “chão”, piso, apoio de baixo. Não há! Porque lá embaixo estou eu, o manipulador do fantoche, claro! Então, numa distribuição tridimensional, é preciso deixar tudo suspenso. No caso do apartamento, os móveis ficam pendurados.
Mas como deixar as coisas penduradas com a aparência de que estão apoiadas no “chão”? Pois é, em algum momento você esbarra no móvel cenográfico e ele fica balançando, e alguém na platéia pensará: - hummmm! Os móveis estão pendurados...
Para minorar o balanço, precisei montar bastidores de eucatex, no palco, à guisa de paredes. Os móveis estarão colados nas paredes de eucatex, parecendo encostados.
E... como se não tivesse mais problemas, o que fazer quando o eucatex envergar? Como assim envergar? Sim, o eucatex enverga! Um tempo úmido, enverga. Um tempo quente, enverga. O eucatex enverga para tudo! É pior que político de situação.
Fiz umas estruturas com sarrafinhos de pinheiro de 1,0 cm, e as paredes de eucatex ficaram retas como um tampo de mesa. Vamos ver até quando...

Esse foi meu dia, enquanto seca tudo, vim dar um blá por aqui.

NOTÍCIA QUENTE PARA ESTE INVERNO

Maysa será mamãe!!! O tio Jorge está orgulhoso e ficando babão. As crianças crescem e nós ficamos senís. Assim é o mundo , assim deve ser a vida. E quando tudo se resumia a poesia marginal e teatro de vanguarda...

Hoje, como atestado de senilidade e total devoção à vertigem de viver, apresento a revisão do Novo Dicionário de Filipês:

Auuuuummmmm: Carro ou caminhão.

Auummm, auuummm, auumm: Carro ou caminhão bonito.

Auu: cachorro e comida (não confunda: comer cachorro)

Auuu, auuu, auuuu: cachorro bonito, comida gostosa.

Aaauuuuuu: gato, leite batido (vitamina)

Lóri, lóri, lóri: mel, coisa doce (bolinhas de homeopatia).

Ma-ma: leite.

Ne-ne: nenê, criança.

Tiiiii: aqui, traga aqui, me leva até lá, eu quero aquilo etc...

Uu: suco.

O resto é choro e risada...

2 comentários:

Maysa disse...

sábado que vem vou saber se é minino ou minina e te conto :)

Jorge Miyashiro disse...

EStamos aguardando...!